Sever do Vouga

Parque Severi recebe o “Hino ao Vouga”

Parque Severi recebe o “Hino ao Vouga”

No âmbito do projeto intermunicipal de programação cultural em rede “3 Territórios, 1  Rio que nos une”, está agendado para o próximo dia 17 de julho, no Parque Severi, em Sever do Vouga, o espetáculo “Hino ao Vouga”, que será um dos muitos motivos para visitar o concelho severense.

Recorde-se  que  este  projeto  se  sustenta  num  fio  condutor,  o  Rio  Vouga,  sendo  alguns  dos espetáculos realizados em Sever do Vouga, em espaços envolventes ao Rio Vouga, ou na Pateira de Fermentelos, tendo os três municípios da Rede (Águeda, Albergaria-a-Velha e Sever do Vouga) lançado o repto às instituições locais para a produção de espetáculos.

No dia 17 de julho, a agenda cultural está programada da seguinte forma:

  • horas: Sabores  e  Saberes  do  Rio  –  Provas  gastronómicas/Petiscos  com  as  Associações locais de proteção do ambiente
  • horas: Inauguração da Escultura “A Bateira e o Barqueiro”, no Miradouro da Ponte de Poço de S. Tiago

22 horas: Hino ao Vouga – “Nascer de 1 Rio” – Espetáculo Musical com a Filarmónica Severense e a Banda União Musical Pessegueirense

23.30 horas: Lenda do Rio – Artes circenses com a Companhia Malatitsch

23.55 horas: Espetáculo de luz, cor, magia (LCM/pirotecnia e drones) UNPARTY

Para o presidente da Câmara Municipal de Sever do Vouga, António Coutinho, este é “mais um passo que damos neste projeto que estamos a desenvolver com Águeda e Albergaria-a-Velha, que motiva uma cultura em rede e ajuda o setor cultural que tantas dificuldades tem sentido desde o início da pandemia”.

O autarca apelou aos severenses alguma compreensão pelo fato de haver lugares limitados, “porque estamos a seguir as normas impostas pela DGS, pelo que os interessados em ver o espetáculo devem adquirir o seu bilhete o mais rapidamente possível”.

António Coutinho convidou ainda os severenses a visitar a escultura que vai ser inaugurada no dia 17 de julho, pelas 18 horas, uma vez que ela representa a história da bateira e do barqueiro que percorria o rio Vouga desde a ria de Aveiro até às margens de Sever do Vouga. “É uma  escultura lindíssima, que está situada num local único de contato com a natureza e a ponte do     Poço de Santiago, que origina belas fotografias”, finalizou o presidente da Edilidade.

Os espetáculos são gratuitos e realizados de acordo com as normas de segurança em vigor, sendo que a lotação é limitada. Os bilhetes devem ser adquiridos na plataforma www.eventcontrol.pt/cmsever  ou  nos  seguintes  locais:  Posto  de  Turismo  de  Sever  do  Vouga, Biblioteca Municipal, Museu Municipal e Serviço de Atendimento do Município de Sever do Vouga.

Refira-se que esta ligação cultural em rede entre os três municípios tem a duração de 12 meses e implica um investimento de 297.900 euros, totalmente suportados por fundos  comunitários,  através do Fundos FEDER, no âmbito do Programa Operacional Regional do Centro.

Colocar comentário

Clique aqui para colocar um comentário

Todas as Categorias